Ligue
4007-2180

Angra dos Reis

Angra dos Reis é um município brasileiro situado na microrregião da Costa Verde, Sul Fluminense no estado do Rio de Janeiro. Localiza-se a uma altitude de 6 metros e possui em seu litoral 365 ilhas. Foi descoberta em 6 de janeiro de 1502, mas colonizada apenas a partir de 1556. Sua população aferida em 1º de julho de 2009 era de 168.664 habitantes.

 

Possui uma área de 816,3 km². Os municípios limítrofes são Paraty, Rio Claro e Mangaratiba no território fluminense, e Bananal e São José do Barreiro no lado paulista.

 

Após 1872 entra em decadência com a inauguração das estradas de ferro, voltando a ocupar posição de destaque na terceira década do século XX quando um ramal ferroviário liga-o aos estados de Minas Gerais e Goiás, por ele escoando a produção agrícola dos mesmos. O ramal ferroviário, em bitola métrica, ainda existe, sendo operado atualmente pela Ferrovia Centro-Atlântica.

 

Em meados do século XX torna-se crucial na implantação da Companhia Siderúrgica Nacional - CSN, em Volta Redonda, sendo o porto por onde a mesma era abastecida de carvão de coque proveniente de Santa Catarina. Atualmente esta empresa também utiliza o porto para fazer parte das suas exportações de aço.

 

Sua importância atual se dá pelo fato de ter como instalação subordinada o Terminal Marítimo da Baía da Ilha Grande - TEBIG da Petrobras, que movimenta grandes quantidades de petróleo e posiciona o porto de Angra como um dos mais movimentados do país.

 

Hoje em dia, devido a beleza de suas praias e das regiões próximas, Angra virou ponto forte do turismo não só estadual, mas também nacional. Possui mais de três centenas de ilhas, muitas delas tendo por donos celebridades nacionais e internacionais, sendo a maior de todas denominada de Ilha Grande.

 

A maior parte da cidade é cercada por morros, o que contribuiu para no início de 2010 várias residências e pousadas sofrerem com os efeitos de deslizamentos, principalmente em Ilha Grande.

Mergulho: Mergulhar em Angra é uma programação: o mar é cheio de naufrágios, a vida marinha é abundante, há boa visibilidade na maior parte do ano e possibilidade de imersão entre 12 m e 30 m. O batismo, para iniciantes custa R$ 220 (mergulho de 40'); o curso básico de 4 dias, R$ 930 (aulas na piscina e 4 mergulhos); e os mergulhadores certificados pagam R$ 190 pela saída para um mergulho - todos os valores incluem equipamentos e instrutor. Frade Diver, 3369-2816. Operadoras com estrutura de hospedagem: Aquamaster, 3365-2416; Jamanta, 3365-1374.

 

Passeio De Escuna: É para ver esta paisagem que você veio a Angra: mar azul, ilhas verdejantes, casarões de famosos. Um dos roteiros costeia as ilhas Cataguases, Botinas (com mergulho livre) e da Gipoia, local do almoço. Em outro percurso, o barco segue para a Ilha Grande, com mergulho na lagoa Azul. Os passeios duram 6h e saem por R$ 30. Saídas diárias às 11h30, da Estação Santa Luzia. Mar de Angra, 3365-3321.

 

Ilha Da Gipoia: A segunda maior ilha de Angra (a primeira é Ilha Grande) tem praias paradisíacas, ligadas por trilhas de 15' a 2h, e ótimos pontos para mergulho. As escunas, que levam 30' para chegar até aqui, fazem a pausa para o almoço na Praia das Flechas, a mais povoada, com mar calminho, bom para windsurfe. O local é ponto de encontro da procissão marítima de ano-novo. À esquerda fica a Praia da Fazenda, um pouco mais tranquila, com mar cristalino, areia branca e pedras na encosta. Piedade, na sequência, é dividida por uma faixa de areia, com água dos dois lados (um deles é chamado de Tenório) - ali estão a igreja de Piedade e as ruínas de uma antiga fazenda. Jurubaíba, do outro lado da ilha, é a mais badalada, também conhecida como Praia do Dentista. No cenário, água verdinha, areia clara, muitas lanchas e bares flutuantes que, na temporada, servem lagosta, camarão, vieira, caipirinha... Ao lado fica a pequena Juruba, cercada por costões e cheia de currais-de-peixe, armados pelos pescadores.

 

Passeio De Barco: Mais caras e mais privativas que as escunas, as lanchas são a melhor alternativa para você conhecer o que Angra tem de melhor: a baía e suas ilhas. Os barqueiros sugerem um roteiro clássico que inclui as ilhas Cataguases e Botinas, a Lagoa Azul e as badaladas praias das Flechas e do Dentista, na ilha da Gipoia - mas você pode escolher onde passar o dia (R$ 550/dia ou R$ 90/hora, para até dez pessoas). Leia mais em Ilha da Gipoia. Associação dos Barqueiros, 3365-3165.

 

Procisão Marítima De Ano-Novo: Muita festa e alto astral marcam o primeiro dia do ano em Angra. Barcos superenfeitados e lotados de foliões saem do Cais de Turismo, no Centro, e se encontram na praia das Flechas, na Ilha da Gipoia. É de lá que a procissão parte, por volta das 14h30, em direção à cidade. Quem não tem barco pode comprar o abadá e "desfilar" em alto mar - as embarcações mais tradicionais são Fla Angra, Galera do Rock e Tô na Farra. A festa termina com a clássica premiação do barco mais bem decorado. Fundação de Turismo de Angra dos Reis, 3367-7826

Quente e úmido, sem estação seca. A temperatura média anual fica em torno de 24°C. As máximas variam entre 27ºC e 30ºC, e a as mínimas, entre 18ºC e 21ºC.

Ocultar
Receba ofertas exclusivas no seu e-mail