Ligue
(31) 3528-6122

Bruxelas

Bruxelas (em neerlandês Brussel e em francês Bruxelles), oficialmente a Região de Bruxelas ou Região de Bruxelas-Capital (emneerlandês Brussels Hoofdstedelijk Gewest e em francês Région de Bruxelles-Capitale), é a capital de facto da União Europeia (UE) e a maior área urbana na Bélgica. É composta por 19 comunas, incluindo a Cidade de Bruxelas, propriamente dita, que é a capital daBélgica, Flandres e da Comunidade Francesa da Bélgica.

 

Bruxelas cresceu de uma fortaleza no século X, fundada por um descendente de Carlos Magno, para uma metrópole de mais de um milhão de habitantes. A área metropolitana da cidade tem uma população de mais de 1,8 milhões de habitantes, tornando-a maior daBélgica.

 

Desde o final da Segunda Guerra Mundial, Bruxelas foi um importante centro de política internacional. A presença das principaisinstituições da UE, bem como a sede da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) fez da cidade uma casa poliglota de muitas organizações internacionais, políticos, diplomatas e de funcionários públicos.

 

Embora historicamente seja uma região de falantes do neerlandês, Bruxelas tornou-se uma cidade com cada vez mais falantes dalíngua francesa ao longo dos séculos XIX e XX. Hoje a maioria dos habitantes são nativos falantes do francês, embora ambas as línguas tenha estatuto oficial. Tensões linguísticas continuam e as leis de linguagem dos municípios em torno de Bruxelas são um tema de muita controvérsia na Bélgica.

Átomo
Atomium Square, 475-4775, atomium.be, 10h/18h, desde € 9
Projetado para a Exposição Mundial de 1958, este ícone hi-tech tem o formato de um átomo ampliado 165 bilhões de vezes. Dentro funciona um centro multimídia.

 

Grand Place
O coração de Bruxelas é esta praça principal, construída no século 12 e tida como uma das mais belas do mundo. Nas suas imediações - entre catedrais, torres e palacetes históricos - há cafés com mesinhas na calçada, restaurantes de frutos do mar, bares abertos 24 horas, gente animada e lojas de chocolates.

 

Les Bandes Dessinées
Rue des Sables, 20, 219-1980, cbbd.be, 10h/18h ter. a dom., € 7,50
Os belgas são loucos por histórias em quadrinhos. Tintin, Smurfs, Lucky Luke são exemplos criados pelos mais de 700 quadrinistas do país. Para celebrar essa arte foi criado um inusitado museu na cidade: o Centro Belga da História em Quadrinhos.

 

Manneken Pis
Rue de l’Étuve com Rue du Chêne
A estátua do garotinho fazendo xixi é o símbolo do país. Mas é tão pequena que decepciona.

 

Museus Reais de Belas Artes
Rue de la Regence, 3, 508-3211, fine-arts-museum.be, 10h/17h; ter. a dom.; € 5; CC: todos
Repleto de obras de Rubens, Memling, Van Dyck e Magritte.

 

Palácio Real
Rue Bréderode, 16, 551-2020, monarchie.be, 10h30/16h; ter. a dom.; 22 jun./5 set. 10h30/18h, € 4
Só abre ao público no verão. Chance única de ver a sala do trono e seu chão de mosaico.

Restringindo-se à temperatura de Bruxelas, esta é quase igual a outras capitais próximas. Com uma temperatura muito baixa no inverno(3 °C) e temperada no verão (17 °C), pode ocorrer neve no local, principalmente porque é comum em janeiro as temperaturas serem inferiores a 0 °C. A máxima no verão pode atingir os 30 °C, mas raramente passa disso ou então é resultado de uma massa de ar quente. No inverno, as temperaturas podem cair para -5 °C, acontece quase todos os anos, por vezes sem necessitar de massa de ar frio.

 

A precipitação acontece com a mesma intensidade em todos os meses, não há período de estiagem, nem período das cheias, diferente de outras capitais europeias. A média de precipitação mensal é de aproximadamente 70 mim. A média de precipitação por ano é de 840 mm. Por causa desse fator, é uma cidade quase sempre úmida.

Ocultar
Receba ofertas exclusivas no seu e-mail